Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Caderno Diário

Escrever é algo que me apraz. Ante a minha vontade de criar, muitas vezes me falta tempo. Aqui passo da vontade à prática. Este é um caderno onde escrevo sobre a minha vida pessoal e temas da atualidade que me fazem refletir.

Caderno Diário

Escrever é algo que me apraz. Ante a minha vontade de criar, muitas vezes me falta tempo. Aqui passo da vontade à prática. Este é um caderno onde escrevo sobre a minha vida pessoal e temas da atualidade que me fazem refletir.

Faltam certezas na minha vida

De uma consulta para outra, de opinião para opinião, vou sabendo aos poucos que aquilo que tenho e que me deixa tão cansada e com tantas dores, pode ser fibromialgia. Uma doença que é pouco aceite.

Segundo alguma informação que tenho pesquisado, "é uma síndrome clínica que se manifesta com dor no corpo todo, principalmente na musculatura," associada a "sintomas de fadiga (cansaço), sono não reparador (a pessoa acorda cansada) e outros sintomas como alterações de memória e atenção, ansiedade, depressão e alterações intestinais." Uma outra característica da pessoa que tem fibromialgia é a existência de uma "grande sensibilidade ao toque e à compressão da musculatura pelo examinador ou por outras pessoas." 

De acordo com os sintomas que apresento, há quase uma certeza da minha parte e, estranhamente, da parte da minha médica de família. Mas falta-me ainda um diagnóstico definitivo, ou melhor, escrito, que justifique perante aqueles que me julgam preguiçosa que eu tenho uma patologia e que preciso dee tomar determinada medicação. Medicação essa que, sendo bastante forte, me deixa também bastante nauseada e com falta de forças. Será que isto pode ser compreendido? Infelizmente, a experiência que tenho, a nível pessoal, é que não há empatia das entidades patronais (mesmo que se digam compreensivas, na realidade não o demonstram na aplicabilidade de medidas que são, no mínimo, sugestivas de que eu não estou de facto doente) e da maioria dos colegas de trabalho. É um desabafo, mas sinto-me tão triste, por estar a ser tratada assim...

Fontes:

https://www.reumatologia.org.br/orientacoes-ao-paciente/fibromialgia-definicao-sintomas-e-porque-acontece/

Atentado em escola do Texas

A escola devia ser um local seguro, onde todas as mães e pais deixam os seus filhos, vão trabalhar e, no final do dia, todos se reencontram. Um local de aprendizagem, aprazível, não um local de morte. Mas infelizmente, hoje o caso sobre o qual vou escrever é mesmo o de uma tragédia ocorrida numa escola. Não foi cá, mas uma vez que se trata de um ataque que foi realizado contra crianças e contra os professores e funcionários de uma escola, tem para mim um interesse especial. Neste ataque com arma de fogo, podemos mesmo falar num massacre, um adolescente entrou aramado e disparou contra qualquer pessoa que lhe surgisse pela frente e levou à morte pelo menos dez pessoas. Tudo aconteceu numa escola na cidade de Santa Fé, no estado do Texas, nos Estados Unidos. Além das vítimas mortais, cerca de 12 pessoas ficaram feridas com gravidade e foram levadas ao hospital.

 

Este poderá ser o quarto pior caso de tiroteio em massa que acontece numa escola americana desde 1999. O ataque só fica atrás dos massacres nas escolas Sandy Hook, em Newtown, (26 assassinados em 2012), Marjory Stoneman Douglas, em Parkland (17 em fevereiro deste ano), e Columbine, em Littleton (13 em 1999). A contagem já vai elevada.

 

O adolescente que foi detido suspeito de ser o atirador, ainda não teve a sua identidade revelada.




A direção do distrito escolar de Santa Fé terá afirmado que também foram encontrados explosivos na escola, de fabrico artesanal, mas que não explodiram.

 

Esta escola tem cerca de 1400 alunos e este ataque acontece pouco mais de três meses depois do ataque de Parkland, na Flórida. O caso deu início a uma onda de manifestações nos EUA por maior rigor no controle da venda de armas e diversos alunos, sobreviventes do ataque de Parkland, usaram as redes sociais para expressar apoio às vítimas em Santa Fé.

 

 

Fontes:

https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/2018/05/internacional/628189-ataque-a-tiros-em-escola-no-texas-deixa-ao-menos-dez-mortos.html

 

Pág. 1/3